Geral

Busca pela natureza e sustentabilidade são tendências no Litoral Norte de São Paulo

Divulgação
Fonte Pixabay

Enquanto vivemos numa era tecnológica passando muito tempo online utilizando ferramentas tecnológicas para nos conectarmos com outras pessoas, trabalharmos e nos divertirmos buscamos mais o contacto com a natureza e atividades sustentáveis que reflitam o respeito para com a comunidade local.

O setor do turismo tem sofrido modificações ao longo dos tempos e é diretamente impactado pela globalização que permite que se conheçam outras culturas e locais de uma forma mais acessível do que acontecia no passado.

No entanto, tudo tem um reverso da medalha e as facilidades trazidas pela globalização trouxeram o turismo de massas que contribui para a degradação de alguns locais, obrigando a que se tomem medidas rigorosas para controlar o fluxo de turistas e assim preservar a riqueza desses locais.

De forma a conseguir um equilíbrio, tornou-se necessário olhar para as comunidades locais, desenvolvendo turismo sustentável com a comunidade local a assumir o papel de protagonista, enquanto se promove o desenvolvimento e economia local.

Na região Litoral Norte de São Paulo têm sido feitos esforços em todas as cidades da região para trabalhar o turismo de base comunitária com o objetivo de valorizar a biodiversidade local e a cultura caiçara que tem um envolvimento direto nos projetos.

O contacto com a natureza é cada vez mais procurado

Os projetos de turismo sustentável têm sucesso, obviamente, porque existe uma procura crescente por este gênero de experiências.

Além disso, os acontecimentos globais que impediram a maioria das viagens contribuiu para que as pessoas buscassem outras formas de lazer e sentissem outras necessidades como a vontade de retomar o contacto com a natureza.

Estes fatores impulsionaram o crescimento de outras áreas relacionadas ao turismo, como acontece com o cicloturismo, que vem crescendo no país nos últimos cinco anos e que recentemente viu a procura por este gênero de atividades aumentar consideravelmente.

Existem inclusive operadoras de cicloturismo que passaram a promover roteiros na cidade de São Paulo como é o caso da Ybytu que oferece passeios de fim-de-semana a partir de R$1390 por pessoa que inclui 2 noites de hospedagem, água, frutas, lanche para o passeio e jantar, num percurso com cerca de 80km em estradas rurais.

A sustentabilidade e respeito pela natureza também acontece online

O avanço da tecnologia também permitiu um aumento da sustentabilidade e respeito pela natureza aplicada em diversas áreas do quotidiano e na forma como passamos a consumir determinados conteúdos.

São vários os exemplos de como a tecnologia tem contribuído para uma promoção da sustentabilidade e respeito pela natureza.

A operadora Ybytu, por exemplo, disponibiliza o aluguer de bicicletas elétricas para realizar os passeios de cicloturismo, permitindo, por exemplo, que pessoas com pouca condição física possam desfrutar igualmente deste gênero de experiência. Aliás, as bicicletas elétricas têm sido cada vez mais procuradas como meio de transporte alternativo para percursos do dia-a-dia por serem uma opção econômica e sustentável.

Ainda no setor dos meios de transporte, o avanço da tecnologia tem contribuído para a sustentabilidade com o desenvolvimento de carros elétricos que não dependam de combustíveis fósseis que contribuem para o aquecimento global.

Estas mudanças fazem com que seja necessário um maior investimento em energia elétrica, como o que foi feito na ampliação da subestação de energia em Caraguatatuba, que permite melhorar cerca de 30 mil unidades consumidoras, entre residências, comércios e indústrias.

Estes investimentos são essenciais para promover a economia da região, que deste modo mostra às indústrias um bom motivo para se instalarem no local já que atualmente o consumo de energia elétrica é bastante acentuado em diversos setores de negócio, sendo cada vez mais comum que grandes empresas optem por modalidade de teletrabalho, ou que deixem espaços físicos para rumarem ao digital para irem de encontro aos seus clientes.

As operadoras turísticas, por exemplo, passaram a operar praticamente em exclusivo online, as agências de seguros disponibilizam cada vez mais os seus serviços online e até empresas ligadas ao entretenimento, como a indústria dos cassinos, ou dos vídeo clubes têm vindo a apostar em formas de divertimento online desenvolvendo plataformas digitais.

Desta forma, a procura pela proximidade com a natureza e o aumento do consumo de energia elétrica em simultâneo, exige aos municípios o investimento em projetos que vão de encontro com as necessidades de consumidores e empresários.

Do que podemos ver, parece que a região Litoral Norte de São Paulo está num bom caminho.