Caraguatatuba Cidades Notícias

Serramar Shopping cria espaço permanente e arrecada roupas, alimentos e brinquedos para a Casa Beija-Flor

O ano de 2021 foi repleto de desafios, principalmente para famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica e emocional. Pensando nisso, o Serramar Shopping “adotou as Casas Beija-Flor”, em Caraguá, numa ação solidária permanente que inclui doações de mais de 320 cestas básicas neste ano, além do espaço (ao lado da loja Centauro) dentro do Shopping para arrecadação solidária.

A iniciativa conta com a participação da população na doação de roupas novas e em bom estado, calçados, alimentos não perecíveis e brinquedos que são doados à entidade. A campanha continua e pode contar com a sua ajuda principalmente nesta época de final de ano!

Glaucia Acciarito, gerente de marketing do Serramar, considera que iniciativas como esta, resultam numa cooperação mútua e reforça qualidades como empatia e generosidade entre a comunidade. “Mais de 300 famílias foram impactadas pelo Serramar só com a doação das cestas básicas. É muito gratificante colaborar com as Casas que difundem uma cultura de apoio”, ressalta.

Casa Beija Flor – A Casa da Criança de Caraguatatuba foi assumida por pessoas da sociedade civil, criando a Casa Beija Flor que auxilia na reestruturação e reinserção de famílias no âmbito social, ampliando o autoconhecimento, discernimento, sociabilidade e melhoria na qualidade de vida da criança e do adolescente em situação de rua ou de risco pessoal e social. Atualmente, a Casa Beija Flor possui três núcleos onde são feitos os atendimento socioeducativos garantindo o direito à educação, à cultura, à saúde, ao lazer e a recreação, à profissionalização e à convivência familiar e comunitária.

Casa Semeando Adolescer – Fica no Barranco Alto e atende crianças de 6 a 17 anos com atividades educativas e culturais no contra turno da escola. O foco é integrar as crianças em atividades que incentivam o comportamento coletivo e empatia.

Casa Céu Azul – Fica no Gaivotas e também atende crianças de 6 a 17 anos com atividades educativas e culturais no contra turno da escola, incentivando o comportamento coletivo e social.

Casa Família Feliz – Localizada no Caputera, a Casa ajuda na reestruturação familiar, com orientação familiar para as mães em especial, além de promover atividades com crianças de 06 a 17 anos.